Você está aqui: Página Inicial > Contents > Últimas Notícias > Premiação Delby Fernandes premia 78 inovações tecnológicas da UFPB

Notícias

Premiação Delby Fernandes premia 78 inovações tecnológicas da UFPB

A cerimônia do Prêmio de Inovação Tecnológica Professor Delby Fernandes de Medeiros ocorreu na noite do dia 29 de novembro no Auditório Milton Paiva, no prédio da Reitoria, Campus I.

por Cleverton R. Fernandes publicado: 06/12/2018 15h03 última modificação: 06/12/2018 15h03
Exibir carrossel de imagens Exemplos de troféus da premiação.

Exemplos de troféus da premiação.

Em um grande evento de gala, com mais de 400 pessoas presentes, a INOVA-UFPB premiou 78 inovações tecnológicas; entre 66 patentes, 11 programas de computador e um desenho industrial; desenvolvidas por pesquisadores da UFPB no último ano (2017). Foram concedidos troféus e certificados aos vencedores.

A cerimônia do Prêmio de Inovação Tecnológica Professor Delby Fernandes de Medeiros, que tem o intuito de reconhecer os esforços de pesquisa tecnológica na UFPB, ocorreu na noite do dia 29 de novembro no Auditório Milton Paiva, no prédio da Reitoria, Campus I.

De acordo com o Diretor de Propriedade Intelectual da INOVA-UFPB, Dr. Cleverton Fernandes:

“a partir do momento que buscamos resguardar os direitos intelectuais dos nossos pesquisadores, e da nossa instituição, estamos pensando em quatro pontos essenciais: Reconhecer a autoria dos criadores pioneiros de determinada tecnologia, inclusive repassando os valores financeiros auferidos conforme as respectivas participações e na forma de royalties, - Proporcionar uma vitrine tecnológica que não apenas exponha tecnologias estanques, mas a vocação inovativa dinâmica da UFPB em áreas-chave do conhecimento e da tecnologia, aproximando-se cada dia mais das necessidades do mercado e da sociedade como um todo, - Promover a integração UFPB e empresas, seja por ações de transferências de tecnologias já protegidas, seja por parcerias e acordos de cooperação para o desenvolvimento de novas soluções para  mercado e para a sociedade, - Incentivar o empreendedorismo criativo a partir da UFPB, permitindo gerar inovações de ruptura e, assim, possibilitar a vanguarda em determinados setores industriais estratégicos do Brasil”.

Segundo o relatório Indicadores de Propriedade Industrial 2018 do Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI), divulgado em 5 de julho, a UFPB teve 66 pedidos de patentes de invenção em 2017. Esse total colocou a instituição como a quarta organização brasileira que mais deu entrada em pedidos e na terceira posição entre as universidades federais brasileiras. Ao avançar três posições na comparação com a classificação de 2016, foi a primeira vez que a UFPB esteve no Top 5 do ranking.

Por fim, após reunião dos diretores com os representantes da INOVA-UFPB no Campus III (Bananeiras-PB), nos dias 04 e 05 de dezembro, ficou deliberado que em 2019 haverá a primeira versão da Premiação de Inovação Tecnológica Delby Fernandes exclusivamente com as patentes dos Campi II (Areia-PB) e III (Bananeiras-PB). A intenção é facilitar ainda mais a participação dos inventores no evento, além de estimular novos depósitos de patentes e, consequentemente, disseminando a cultura da inovação.

Fonte: DPI/INOVA-UFPB.