Você está aqui: Página Inicial > Contents > Notícias > 4° Concurso de vídeos contra a corrupção recebe inscrições até o dia 18
conteúdo

Notícias

4° Concurso de vídeos contra a corrupção recebe inscrições até o dia 18

Curtas vencedores serão exibidos no 14º FestAruanda, em dezembro
publicado: 06/11/2019 20h16, última modificação: 06/11/2019 20h16
A cabeça - um olhar alheio, de Flávio Ranhada, foi o vencedor do ano passado. Crédito: Divulgação

A cabeça - um olhar alheio, de Flávio Ranhada, foi o vencedor do ano passado. Crédito: Divulgação

O 4° Concurso de vídeos contra a corrupção recebe inscrições até o dia 18, por meio da página da competição. Serão premiados os quatro curtas mais bem classificados. Cada um deles receberá como premiação um tablet e certificado. A critério da comissão julgadora, poderão ser emitidos certificados de menção honrosa.

Os vídeos vencedores serão informados até 25 de novembro, através do mesmo site, e serão apresentados no 14º FestAruanda do Audiovisual Brasileiro, festival de cinema nacional a ser realizado em João Pessoa, no próximo mês.

Os curtas inscritos deverão ter em média um minuto, com tolerância de dez segundos a mais ou a menos, serem gravados em aparelho celular e autorizados para livre visualização e reprodução do público em geral, podendo ser exibidos de forma pública e gratuita em campanhas e eventos que promovam a conscientização para o combate à corrupção.

Serão aceitos os gêneros ficção, clipe, publicidade ou documentário, desde que respeitadas as condições do regulamento, sobretudo abordando o tema A prevenção e o combate à corrupção. O concurso será realizado em categoria única, sendo a inscrição individual, mas podendo ter orientação ou construção coletiva. Os participantes devem possuir idade mínima de 15 anos e concorrer com até dois vídeos.

A temática deste ano tem como referência o Dia Internacional de Combate à Corrupção, em 9 de dezembro. O concurso, iniciativa da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), em parceria com a Controladoria Geral da União (CGU), tem como objetivo fortalecer e promover ações participativas com a comunidade em geral, a fim de promover a conscientização para a prevenção e o combate à corrupção.

Ascom/UFPB