Você está aqui: Página Inicial > Contents > Últimas Notícias > INOVA-UFPB participa de ação conjunta em prol do desenvolvimento da Paraíba

Notícias

INOVA-UFPB participa de ação conjunta em prol do desenvolvimento da Paraíba

O evento ocorreu na última sexta-feira, dia 20 de outubro, no Serra Golfe Apart Hotel e foi capitaneado pela SEIRHMACT e pela FAPESQ.

Instituições participantes: UFCG, UEPB, IFPB, SEEPAC, EMBRAPII, NUTES, CITTA, PAQTCPB, CERTBIO, EBSERH, EPASA, SEBRAE-PB, LIFESA, SES/PB, SIGNOVE, 2ª GRE, ANEEL e UFPB.
por publicado: 21/10/2017 15h25 última modificação: 21/10/2017 15h26

A UFPB, representada oficialmente pelo Diretor Prof. Dr. Cleverton Fernandes, integrou ações no Workshop Paraíba Inova visando articular e prospectar investimentos estruturantes nas áreas de saúde e energia para a Paraíba. O Prof. Dr. Zaqueu Ernesto e a Profa. Dra. Kátia Messias Bichinho, ambos da UFPB, também participaram. 

O evento ocorreu na última sexta-feira, dia 20 de outubro, no Serra Golfe Apart Hotel e foi capitaneado pela Secretaria de Estado de Infraestrutura, Recursos Hídricos, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia (SEIRHMACT) do Governo da Paraíba e pela Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado da Paraíba (FAPESQ) na figura, respectivamente, da Profa. Dra. Francilene Garcia e do Prof. Dr. Claudio Benedito Silva Furtado.

Entre as instituições participantes representadas, destacam-se: UFCG, UEPB, IFPB, SEEPAC, EMBRAPII, NUTES, CITTA, PAQTCPB, CERTBIO, EBSERH, EPASA, SEBRAE-PB, LIFESA, SES/PB, SIGNOVE, 2ª GRE, ANEEL e UFPB.

No turno da manhã foram expostas as ações estruturantes de fomento à CT&I no Estado, bem como algumas rotas de investimentos nos setores de Saúde (EBSERH e LIFESA) e Energia (ANEEL). Durante a tarde foram apresentados projetos em andamento no Estado da Paraíba tanto com foco em Energia como em Saúde. Por fim foram mapeadas ações estruturantes para o Estado da Paraíba, além de incentivada a criação de uma Agenda Estruturante, integrada via rede interorganizacional, para esses dois importantes setores.

Ao longo do evento foram destaques as ações empreendidas pelo Núcleo de Tecnologias Estratégicas em Saúde (NUTES), na figura do Dr. Misael Morais; e pelo Laboratório de Avaliação e Desenvolvimento de Biomateriais do Nordeste (CERTBIO), na figura do Dr. Marcus Vinícius Lia Fook, vide foto.

O CERTBIO, acreditado pelo INMETRO, tem atuado, além das atividades acadêmicas, na prestação de serviços de análises físico-químicas, térmicas, mecânicas, biológicas, microbiológicas e morfológicas. Dentre as pesquisas aplicadas são destaque: os fios de suturas biodegradáveis à base de quitosana e arcabouços absorvíveis com princípios ativos.

Da UFPB foram apresentadas pesquisas aplicadas e variando entre fases in vitro e in vivo, inclusive com pedidos de patentes solicitados, com os seguintes perfis tecnológicos, por exemplo: 

  1. Amidas e composição fungicida ativa com tereftalato de potássio (BR102016030062-2) que pode ser um substituto de baixo custo de síntese comparada a nistatina;
  2. Conta-gotas com aviso sonoro por sensor óptico (BR102014031461-0), vide imagem, que permite portadores de deficiência visual ministrarem soluções medicamentosas, sendo um dispositivo minúsculo e capaz de ser acoplado em diferentes recipientes ou fracos em uso no mercado farmacêutico;
  3. Biomembrana biocompatível para aplicação em cirurgias (BR102013022823-0), vide imagem, que faz uso de pericárdio caprino, matéria prima comumente descartada pós-abate dos animais, e se mostrou alternativa viável devido à elevada biocompatibilidade humana pós-cirúrgica.